LEIS MUNICIPAIS

Selecione os filtros abaixo para buscar as leis

Lei Municipal Nº 4788

LEI MUNICIPAL Nº 4.788 CRIA O CONSELHO MUNICIPAL DE ALIMENTAÇ├O ESCOLAR E DÁ OUTRAS PROVIDENCIAS. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono a seguinte lei: Art. 1º - Fica criado o CONSELHO MUNICIPAL DE ALIMENTAÇ├O ESCOLAR - CONSALES, no Município de Carazinho, órgπo consultivo e de assessoramento ao Poder Executivo, nas questões relativas à municipalizaçπo e à operacionalidade da alimentaçπo escolar. § εnico - O CONSALES fica vinculado à estrutura da Secretaria municipal da Educaçπo, Cultura, Desporto e Turismo. DOS OBJETIVOS DO CONSELHO: Art. 2º - Compete ao CONSALES: I - promover, planejar e coordenar as atividades relativas à alimentaçπo escolar no município, em colaboraçπo com o Poder Executivo; II - fiscalizar e controlar a aplicaçπo dos recursos destinados à alimentaçπo escolar; III - elaborar o seu regimento interno que será submetido ao Prefeito municipal para sua aprovaçπo; IV - manter intercâmbio com entidades oficiais, federais, estaduais e municipais e com entidades privadas, nacionais e internacionais quanto a informações que visem o aperfeiçoamento e desenvolvimento das atividades voltadas à alimentaçπo escolar; V - sugerir ao Executivo a realizaçπo de convênios com entidades oficiais, federais estaduais e municipais, visando a integraçπo de programas a serem desenvolvidos por essas entidades, no município com vistas ao aperfeiçoamento do Programa Municipal da Alimentaçπo Escolar; DA CONSTITUIÇ├O DO CONSELHO Art. 3º - O CONSALES compor-se-á de sete (7) membros sendo: a) quatro (4) representantes do Executivo: I - dois (2) representantes da Secretaria Municipal de Educaçπo, Cultura, Desporto e Turismo; II - um representante da Secretaria Municipal da Saúde; III - um representante da Secretaria Municipal da Fazenda; b) um representante indicado pelo Sindicato dos Professores Municipais - APROCAR; c) um representante indicado pelos Círculos de Pais e Mestres da Rede Municipal de Ensino; d) um representante indicado pelo sindicato dos Trabalhadores Rurais de Carazinho. § 1º - A indicaçπo para o cargo de Presidente do CONSALES será de livre escolha do Prefeito, sendo que o preenchimento dos cargos de vice-presidente e de Secretário será realizado através de eleiçπo entre os membros do conselho. § 2º - A escolha para Presidente do CONSALES deverá recair em um dos representantes da Secretaria Municipal de Educaçπo, Cultura, Desporto e Turismo. § 3º - Os membros do CONSALES terπo mandato de dois (2) anos, podendo ser reconduzido por igual período. § 4º - O exercício do mandato será gratuíto e considerado como prestaçπo de relevante serviços ao município. DAS DISPOSIÇ╒ES FINAIS: 1 Art. 4º - A presente lei será regulamentada no que couber. Art. 5º - Os Orçamentos anuais consignarπo dotações destinadas ao funcionamento do Conselho Municipal de Alimentaçπo Escolar. Art. 6º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicaçπo, revogadas as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 16 DE MAIO DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 2

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

16 . 05 . 1995


Lei Municipal Nº 4787

LEI MUNICIPAL Nº 4.787 Autoriza abertura de Crédito Suplementar no Orçamento da Despesa no valor de R$ 50.000,00. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL FAÇO SABER, que a Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica a Poder Executivo autorizado a abrir um Crédito Suplementar no Orçamento da Despesa do corrente exercício no valor de R$ 50.000,00 (cinqüenta mil reais), para suplementaçΓo da seguinte rubrica: 05 - SECR.MUNIC.DE EDUC.,CULT.,DESP.E TURISMO 0511 - PROGRAMAS DE ASSIST. A EDUCANDOS Ativ. 0511.08472422.082-MANUTENÇΘO ALIMENT.ESCOLAR 155860/312000.195 - Material de Consumo........ R$ 50.000,00 Art. 2º - Servirá de recursos para cobertura da Crédito Suplementar, autorizado pelo artigo anterior a reduçΓo de saldo, de igual valor, da seguinte rubrica: 05 - SECR.MUNIC.DE EDUC.,CULT.,DESP.E TURISMO 0511 - ENSINO FUNDAMENTAL Proj. 0506.08421891.037 - CONSTRUÇΘO PRÉDIOS ESCOLARES 118200/411000.144 - Obras e Instalaç∙es........ R$ 50.000,00 Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçΓo. Art. 4º - Revogam-se as disposiç∙es em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO 16 DE MAIO DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.AdministraçΓo

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

16 . 05 . 1995


Lei Municipal Nº 4786

LEI MUNICIPAL Nº 4.786 Autoriza o Município receber doaçπo de imóvel. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o Município de Carazinho auto@o a receber em doaçπo a área de urbanas, constante na matrícula nº 20.037, do Registro de Imóveis, com 9.495,00m² (nove mil quatrocentos e noventa e cinco metros quadrados), situada nesta cidade, no lado par da rua Ipanema, distante 30,00m da esquina com a rua Carlos Afonso Penz, na Vila Operaria, SETOR 03, QUADRA 27. LOTE 13, com as seguintes confrontações: ao norte, na extensπo de 155,00m com a rua Ipanema e com terreno do Parque Industrial Carazinho S.A.; 8ao sul, na extensπo de 161,50m com os lotes 03, de Antonina Moraes Napp, 15 de SEMAQ Comércio de Máquinas e Assistência Técnica Ltda., 04 e 09 de Ermindo Ary Graebin, 07 e 08 de Felipe Nery Loss, 10 de Fioravante Palma, 11 de Olinda Freitag e 16 de Alcides O. Giacomelli; a leste, na extensπo de 60,00m com os lotes 30 de Isaías Dias da Silva, 31 de Jorge Aloísio Reinehr Neto, 32 de Jair Pires Haeffner e 33 de Olisse Marchezi; e ao oeste, na extensπo de 60,35m com o terreno do Parque Industrial Carazinho S.A. Proprietário: PARQUE INDUSTRIAL CARAZINHO S.A., empresa com sede nesta cidade, CGC/MF nº 88.445.176/0001-06, representada por Mário Luiz Piva, brasileiro, casado, industrial, domiciliado nesta cidade, CIC nº 008 052 540-72. Registro anterior: matriculas nºs 13.950, 16.415 e 17.278, de 22/11/84, 16/05/88 e 15/08/89, respectivamente. Art. 2º - A área doada destina-se à abertura das seguintes ruas: rua A com uma área de terra urbana de 742,00m², nesta cidade na Vila Operária no Setor 03, entre as Quadras 27 e 92, distante 57,50m da esquina com a rua Carlos Afonso Penz, com as seguintes confrontações: ao Norte, 14,00m com a rua Ipanema; ao Sul 19,80m com a rua B, à Leste 6O,00m com o Lote 13, da Quadra 27 e à Oeste 46,00m com o Lote 01, da Quadra 92; RUA B com uma área de terra urbana de 1b2.036,00m, nesta cidade na Vila Operaria, no Setor 03, entre as quadras 27 e 92, paralela à rua Ipanema, com as seguintes confrontações: ao Norte 6O,00m com o Lote OI, da Quadra 92; ao Sul 88,00m com SEMAQ Comércio de Máquinas e Assistência Técnica Ltda., Lote 15, Ermindo Ary Graebin Lotes 04 e 09, Felipe Nery Loss Lotes 07 e 08 e Fioravante Palma Lote 10; à Leste 19,80m com a rua A; a Oeste 19,80m com a rua C; RUA C com uma área de terra urbana de 742,00m2, nesta cidade na Vila Operária no Setor 03, entre as Quadras 27 e 92, distante 131,50m da esquina com a rua Carlos Afonso Penz com as seguintes confrontações: ao Norte 14,00m com a rua Ipanema; ao Sul 19,80m com a rua B; a Leste 46,00m com Lote 01 da Quadra 92; a Oeste 6000m com o Lote 14 da Quadra 27. Art. 3º - Serπo de responsabilidade do doador as obras de infraestrutura urbana exigidas por lei nas ruas a serem abertas. Art 4º - O ⌠nus da transferência de propriedade dos imóveis citados no Art 1º, desta Lei serπo de responsabilidade do doador. Art. 5º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art 6º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 15 DE MAIO DE 1995.a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 2

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

15 . 05 . 1995


Lei Municipal Nº 4785

LEI MUNICIPAL Nº 4.785 Altera a redaçπo da Lei Municipal nº 4.442/93. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER, que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - O Art. 3º, da Lei Municipal nº 4.442, de 18 de agosto de 1993, passa a ter a seguinte redaçπo: "Art. 3º - O número de membros do CMS será de 20 (vinte) Conselheiros, com a seguinte composiçπo: I - Dos representantes do Governo, nomeados pelo Prefeito Municipal, em número de quatro. 01. Representante da Secretaria Municipal da Saúde e Meio Ambiente. 02. Representante da Secretaria Municipal da Fazenda. 03. Representante da Secretaria de Habitaçπo e Assistência Social. 04. Representante do SUS ou autoridade de livre escolha do Prefeito. II - Representantes dos prestados de Serviços: 01. Representante de entidades de Trabalhadores da área da Saúde. 02. Representante da AMRIGS, secçπo de Carazinho e/ou Sindicato dos Médicos de Carazinho. 03. Representante do Hospital de Caridade de Carazinho. 04. Representante de profissionais da Saúde de Carazinho. 05. Representante da Associaçπo dos Odontólogos de Carazinho 06. Representante dos profissionais de Laboratórios e/ou Serviços de Diagnóstico. III - Representantes dos usuários dos serviços de saúde. 01. Representante das Associações Comunitárias de Carazinho-UACC. 02. Representante do Sindicato dos Trabalhadores Urbanos de Carazinho. 03. Representante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Carazinho. 04. Representante do Sindicato dos Servidores Municipais de Carazinho, exceto os da área da Saúde. 05. Representante dos Sindicatos de Classe Patronal de Carazinho. 06. Representante dos Clubes de Serviço de Carazinho. 07. Representante de Entidades Estudantis e CPM's de Carazinho. 08. Representante de Associações de Profissionais Liberais de Carazinho, exceto os da área de Saúde. 09. Representante do Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente de Carazinho. 10. Representante da Associaçπo dos Aposentados e Pensionistas." Art. 2º - Fica extinto o Parágrafo 2º, do Artigo 4º. Art. 3º - O Inciso II, do Art. 5º, da Lei Municipal nº 4.442, passa a ter a seguinte redaçπo: "II - O mandato do Conselheiro é de dois anos, o Conselho deve renovar sua composiçπo bianualmente em um terço." Art. 4º - Acrescenta-se o Inciso VI, ao Art. 6º, da Lei 1 Municipal nº 4.442, com a seguinte redaçπo: "O Presidente e Vice-Presidente do CMS serπo eleitos bianualmente, entre os Conselheiros em Assembléia do Plenário do Conselho, especialmente convocados para este fim." Art. 5º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art. 6º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 05 DE MAIO DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 2

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

05 . 05 . 1995


Lei Municipal Nº 4784

LEI MUNICIPAL Nº 4.784 Torna obrigatória a instalaçπo de porta de segurança nas Agências Bancárias e dá outras providências. VEREADOR PAULO SILVA, PRESIDENTE DA C┬MARA MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER, que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - É obrigatória, nas Agências e Postos de Serviços Bancários, a instalaçπo de Porta eletrônica de segurança individualizada, em todos os acessos destinados ao público. § 1º - A porta a que se refere este artigo, deverá, entre outros, obedecer as seguintes características técnicas: a) - equipada com detector de metais; b) - travamento e retorno automático; c) - abertura ou janela para entrega do metal detectado ao vigilante; d) - vidros laminados e resistentes ao impacto de projéteis oriundos de arma de fogo até calibre 45 (quarenta e cinco). § 2º - Poderá ser dispensada a exigência contida neste Artigo, para uma ou mais Agências ou Postos de Serviços, pela autoridade competente, com base em parecer técnico. Art. 2º - o estabelecimento bancário que infringir o disposto nesta Lei, ficará sujeito às seguintes penalidades: a) - advertência - na primeira autuaçπo, o Banco será notificado para que efetue a regularizaçπo da pendência em até 10 (dez) dias úteis; b) - multa - persistindo a infraçπo, será aplicada multa no valor de 1.000 VPMs; se até 30 (trinta) dias úteis após a aplicaçπo da multa, nπo houver regularizaçπo da situaçπo, será aplicada uma segunda multa, no valor de 2.000 VPMs; c) - interdiçπo - se após 30 (trinta) dias úteis da aplicaçπo da segunda multa, persistir a infraçπo, a Prefeitura Municipal procederá a interdiçπo do estabelecimento bancário. Parágrafo único - O Sindicato dos Bancários de Carazinho poderá representar junto à Prefeitura Municipal, contra o(s) infrator( es) desta Lei. Art. 3º - Os estabelecimentos bancários terπo um prazo de até 120 (cento e vinte) dias, a contar da publicaçπo desta Lei, para instalar o equipamento exigido no Artigo 1º desta Lei. Art. 4º - revogadas as disposições em contrário, esta Lei entrará em vigor na data de sua publicaçπo. SALA DAS REUNI╒ES, 28 DE ABRIL DE 1995. a)VEREADOR PAULO SILVA Presidente a)VEREADOR VALERIANO DOS SANTOS Secretário 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

28 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4783

LEI MUNICIPAL Nº 4.783 Autoriza o Poder Executivo a conceder auxílio financei ro, sob convênio, à Associaçπo das Indústrias da Moda de Carazinho, no valor de R$ 2.000,00. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITURA MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o Poder Executivo autorizado a conceder auxílio financeiro à Associaçπo das Indústrias da Moda de Carazinho, no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais ), destinados ao pagamento de aluguel das indústrias associadas, sob assinatura do competente convênio. Art. 2º - As despesas decorrentes desta Lei correrπo à conta da atividade sob código nº 1001.11623462.125 do Orçamento vigente. Art 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art 4º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 28 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

28 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4782

LEI MUNICIPAL Nº 4.782 Concede anuênio aos servidores celetistas, pertencentes ao quadro em extinçπo por ano de serviço prestado ao Município. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - É o Município autorizado a conceder aos servidores celetistas, pertencentes ao Quadro em Extinçπo, exceto os integrantes do Magistério Municipal por ano de efetivo serviço prestado, contado a partir da data de admissπo, um anuênio, até o máximo de 35 (trinta e cinco) cada um, no valor de 1% (um por cento) do valor do salário básico da funçπo em que estiver investido. Art. 2º -- As despesas decorrentes desta Lei correrπo à conta de dotações orçamentárias próprias, código 311100 - Pessoal Civil. Art. 3º -- Esta Lei entra em vigor a partir de 11 de maio de 1995. Art. 4º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 26 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

26 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4781

LEI MUNICIPAL Nº 4.781 Concede isençπo de Impostos Municipais à empresa sediada no Distrito Industrial. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - É concedida isençπo de impostos municipais, pelo prazo de 10(dez) anos e de taxa de licença para construçπo à empresa SEMEATO S.A. Indústria e Comércio, sediada no Distrito Industrial Carlos Augusto Fritz, na conformidade do Artigo 3º da Lei Municipal nº 3.403, de 25 de abril de 1984, alterada pela Lei Municipal nº 3.525, de 29 de novembro de 1985, a contar do efetivo funcionamento da empresa beneficiária. Art 2º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art. 3º - revogam-se as disposições em contrario. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 26 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

26 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4780

LEI MUNICIPAL Nº 4.780 Dá nova redaçπo ao Art.7º da Lei Municipal nº 2.795/76. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art 1º - O Art.7º, da Lei Municipal nº 2.795/76, alterada pelas Leis Municipais nºs. 3713/89, 3898/89, 4136/91 e 4258/92, passa a ter a seguinte redaçπo: "Art 7º - O Conselho Municipal de Trânsito será composto de 9 componentes, conforme segue: - um representante dos Servidores Públicos Municipais; - um representante da Brigada Militar: - um representante da Delegacia Regional de Polícia - CIRETRAN; - um representante dos Clubes de Serviço, a ser nomeado de comum acordo entre os mesmos; - um representante do Sindicato dos Motoristas e Carros de Aluguel - SINMOCAR; - um representante de Sindicato dos Trabalhadores, a ser nomeado em comum acordo entre os mesmos; - um representante da entidade sindical a que estejam filiadas as Concessionárias do transporte coletivo urbano de Carazinho; - um representante da Uniπo das Associações Comunitárias de Carazinho - UACC; - um representante da Associaçπo Comercial e Industrial de Carazinho - ACIC." Art. 2º - É acrescido ao Art.7º, da Lei Municipal nº 2795/76, um Parágrafo único, com a seguinte redaçπo: "Parágrafo único - O Prefeito Municipal designará, o Presidente do Conselho." GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 26 DE MARÇO DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

26 . 03 . 1995


Lei Municipal Nº 4779

LEI MUNICIPAL Nº 4.779 Autoriza o Centro de Assistência e Previdência do Ser vidor Municipal - CAPSEM a firmar Convênio com o Centro de IntegraçΓo Empresa-Escola, e dá outras providências. Art. 1º - Fica o Centro de Assistência e Previdência do Servidor Municipal - CAPSEM autorizado a firmar Convênio com o Centro de IntegraçΓo Empresa-Escola - CIEE, visando proporcionar a alunos de segundo e terceiro graus, competentes estágios de complementaçΓo educacional. Art. 2º - O prazo de validade do Vonvênio será determinado e nΓo excederá o período letivo do ano de 1996, limitado ao número de 3 (três) estagiários. § εnico - O CAPSEM definirá através de necessidade do serviço, motivada pela falta de servidor especializado, concursado na área de enfermagem, as vagas existentes, cabendo aproveitamento de alunos de segundo e terceiro graus, mediante solicitaçΓo, por escrito, ao CIEE. Art. 3º - Em contrapartida o CAPSEM repassará ao CIEE o valor correspondente a Auxiliar de Enfermagem PadrΓo 7 para 40 horas semanais. Art. 4º - Servirá de recurso para cobertura das despesas decorrentes da presente Lei, rubrica constante no Orçamento do CAPSEM, conforme Lei Municipal nº 4717, de 5 de dezembro de 1994. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 19 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.AdministraçΓo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

19 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4778

LEI MUNICIPAL Nº 4.778 Estende os benefícios da Lei Municipal nº 4.741/94, aos servidores municipais inativos. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica estendido aos servidores municipais inativos os benefícios da Lei Municipal nº 4.741, de 30 de dezembro de 1994, que instituiu o VALE ALIMENTAÇΘO para os servidores do Município, em sua íntegra. Art. 2º - As despesas autorizadas pelo artigo anterior correrπo à conta de dotações orçamentárias próprias, rubrica 66460/325100.111 - Inativos. Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo, sendo seus efeitos retroativos a 1º de janeiro de 1995. Art. 4º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 19 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

19 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4777

LEI MUNICIPAL Nº 4.777 Autoriza o Município a firmar Convênio com a Televisπo Joaçaba Ltda, para permissπo de uso de equipamentos de repetidora de televisπo e dá outras providências. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER, que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o Poder Executivo autorizado a firmar Convênio com a Televisπo Joaçaba Ltda, sociedade comercial com sede na rua Martinho Lutero, nº 301, em Joaçaba, Estado de Santa Catarina, para permissπo do uso dos seguintes equipamentos: 1 (um) transmissor de TV, de 50 Watts, Canal 13, de VHF, e entrada em FI (41 - 47 MHz); e uma parábola de 3 metros, Canal 69, aparelhos esses que serπo instalados na repetidora do Canal 13, VHF, de Carazinho, sita no prédio da Companhia Estadual de Silos, e Armazéns (CESA), nesta cidade. Art. 2º - A permissπo de uso é gratuita e por prazo indeterminado. Art. 3º - Em contrapartida à permissπo, a Televisπo Joaçaba Ltda. obriga-se a veicular, na repetidora local, Canal 13, imagem e som da Televisπo Bandeirantes, emissora da qual é filiada através da Rede Barriga Verde, cumprindo-lhe os encargos decorrentes. εnico - Obriga-se, também, à permissπo, a Televisπo Joaçaba Ltda, a prestar os serviços de manutençπo e consertos eventuais da aparelhagem da repetidora, e a complementar instalaçπo de demais equipamentos necessários para seu normal funcionamento. Art. 4º - ° falta de cumprimento das obrigações estipuladas no artigo anterior dará direito a que o Município rescinda a Convênio ora autorizado, independente de notificaçπo judicial ou extra-judicial. Art. 5º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art. 6º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 13 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo 1

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

13 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4776

LEI MUNICIPAL Nº 4.776 Autoriza o Poder Executivo a abrir Crédito Especial no Orçamento do Município, para aquisiçπo de equipamento para repetidora de televisπo, no valor de R$ 10.000,00. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o Poder Executivo autorizado a abrir Crédito Especial no Orçamento do Município no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), destinados à aquisiçπo aparelhagem para repetidora de TV, na banda de VHF, no canal 13 , construído de: um transmissor com 50 Watts de potência e entrada em FI, parábola de 3 metros - canal 69. Art. 2º - Servirá de recurso para cobertura do crédito autorizado pelo artigo anterior a reduçπo de igual valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais) da verba: 02 - GABINETE DO PREFEITO 0201 - Gabinete do Prefeito 8400/412000.019 - Equip. e Mat. Permanente Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art. 4º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 13 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

24 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

13 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4775

LEI MUNICIPAL Nº 4.775 Define o Jornal do Comércio, de Porto Alegre e o Jornal Diário da ManhΓ, deste Município, como veículos ofici ais de divulgaçπo da Administraçπo. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Ficam definidos os jornais do Comércio e Diário da ManhΓ de circulaçπo diária, vencedores da Licitaçπo modalidade Tomada de Preços nº04/95, constante do Processo nº37/95, como veículos oficiais somente para divulgaçπo dos avisos de licitações " Concorrência" e " Tomada de Preços." ┌nico - A definiçπo constante nesta Lei, tem seu prazo condicionado ao Contrato resultante da Licitaçπo referida no "caput" (1º de fevereiro a 31 de dezembro de 1995). Art. 2º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 13 DE ABRIL DE 1995. a)IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a)ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

17 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

13 . 04 . 1995


Lei Municipal Nº 4774

LEI MUNICIPAL Nº 4.774 Retifica e Ratifica a Lei Municipal nº 4.490/93, que concedeu reajuste de vencimentos aos Servidores Públi cos Municipais. IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE, PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. FAÇO SABER que o Legislativo aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º - Fica retificada e ratificada a Lei Municipal nº4.490/93, que deixou de informar a data-base a partir de quando seriam corrigidos, os vencimentos dos servidores municipais e que em seu Art. 1º passará a ter a seguinte redaçπo: " Art.1º - É concedido aos servidores efetivos, aos detentores de cargos em comissπo e funçπo gratificada, magistério e aos inativos e pensionistas do Município de Carazinho, um reajuste salarial de 25,17% (vinte e cinco vírgula dezessete por cento) sobre os Vencimentos, proventos e pensões percebidos em 30 de setembro de 1993, a contar de 1º de outubro de 1993." Art. 2º - Revogadas as disposições em contrário, esta Lei entra em vigor na data de sua publicaçπo. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CARAZINHO, 5 DE ABRIL DE 1995. a) IRON LOURO BALDO ALBUQUERQUE Prefeito Municipal a) ROBERTO ALBINO SEHN Sec.Mun.Administraçπo

ANEXOS
DATA DE PUBLICAÇÃO

17 . 03 . 2007

DATA DE APROVAÇÃO

05 . 04 . 1995


MAIS LEIS

Notícias

20.06.2018 - 11:26
Taxa de inscrição para concurso público no âmbito municipal é isenta para cidadãos que prestam serviço eleitoral

           Foi aprovado na última segunda-feira, 18, o Projeto de Lei 030/18, de autoria da vereadora Janete Ross de Oliveira, que dispõe sobre a isenção

19.06.2018 - 14:15
Vereadores aprovam todos os projetos votados na casa

Os vereadores aprovaram nesta segunda-feira, 18, seis projetos de lei que tramitavam na casa legislativa. Dentre eles, a pedido do Executivo Municipal, o Projeto de Lei Complementar 006/18, incluído

14.06.2018 - 16:30
Reunião da Superintendência Regional do Planalto da Corsan é realizado na Câmara de Vereadores.

Aconteceu nesta quinta-feira, 14, na Câmara Municipal, a 29ª Reunião da Superintendência Regional do Planalto (SURPLA) da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN). O evento,

12.06.2018 - 14:00
Projetos sobre remuneração dos membros da JARI e Estacionamento Rotativo Pago aprovados na Câmara.

Os vereadores aprovaram nesta segunda-feira, 11, durante sessão ordinária, os dois Projetos de Lei que estavam em votação.   Projeto 009/18 – Remuneração

Em pauta

Sessão Ordinária nº 351 (25/06/2018 - 18:00)

CONVOCO os senhores vereadores para uma Reunião ORDINÁRIA, a ser realizada dia 25 de junho, SEGUNDA-FEIRA, com início previsto para as 18 horas.