NOTÍCIAS

20 . 04 . 2017 - 14 : 30

Vereadores pedem audiência pública para discutir a Reforma da Previdência em Carazinho

O presidente da Câmara de Vereadores de Carazinho Estevão De Loreno e o vereador Erlei Vieira, durante audiência com o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul Edegar Pretto, solicitaram para que o município fosse incluído para debater a Reforma da Previdência. A discussão a cerca deste assunto vem sendo tratada pela  Frente Gaúcha em Defesa da Previdência Pública, que desde o seu lançamento em 24 de fevereiro tem organizado encontros em municípios gaúchos para mobilizações contra a reforma da Previdência proposta pelo governo federal.

A reivindicação ao presidente AL se baseia em outras audiências que já estão ocorrendo no Estado, como no município de Casca que está sediando hoje a discussão sobre o assunto. De acordo com Pretto, este pedido era encaminhado para aprovação, uma vez que o assunto é a nível Federal,  e que em breve estará entrando em contato com o município para anunciar uma data para a realização do evento.

 

Foto Assessoria Assembleia

Autor: Assessoria de Comunicação

Notícias

16.10.2017 - 21:00
Vereadores mantêm os vetos do Poder Executivo

  A sessão ordinária da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (16) votou e aprovou o projeto de Lei  103, o qual autoriza a inclusão e alteração do

16.10.2017 - 13:56
Legislativo deverá votar os vetos do prefeito nesta segunda-feira

  Deverá ser incluído na pauta da sessão desta segunda-feira os dois vetos do prefeito Municipal, a dois projetos aprovados pelo Legislativo os quais dispõem sobre a divulgação

16.10.2017 - 08:41
Família agradece sensibilidade dos Poderes Executivo e Legislativo

Um momento de muita emoção marcou a tarde de quarta-feira (11) ocasião em que o prefeito Milton Schmitz recebeu em seu gabinete o casal, Orlei Bugs Lemos e Josiane Kofmann, que trazia

16.10.2017 - 08:27
Apenas um projeto na pauta desta segunda-feira

 Apenas um projeto será apreciado na sessão ordinária da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (16). Trata-se do PL 103, o qual autoriza a inclusão e alteração